Este evento já terminou.

Partilhar evento no    Facebook

Partilhar evento no    WhatsApp

Espetáculo de circo contemporâneo composto por duas peças de 20mn cada uma; El ÚLTMO OTRO LADO de Amaya Goñi e No aparece mi nombre de Clara Bernet.

EL ÚLTIMO OTRO LADO -“Vivo em simbiose com aqueles que não conheço. Toda a minha existência viajei aos outros corpo e trouxe de volta as suas essências. Mas neste dia, eu fui enviada ao meu próprio corpo, ao meu próprio mundo, a minha própria dissecação. O que fazer quando tuas vísceras falam? Aceitas os teus pedaços. Ponho o coração, a pele e a alma nisto, mas eu sei que se eu olhar em espelhos, vou vomitar cristais”

NO APARECE MI NOMBRE- 20mn- Clara Bernet - E tu? Tens mulheres de referência? Mulheres que te inspiram? Podes dizerme mais de cinco figuras femininas essenciais na história? Onde estão todas estas fontes de inspiração feminina que nos encorajam a dizer "Quero ser como ela..."? Artistas? Científica? Família?No aparece mi nombre nasce da motivação pessoal da artista para dar "voz" às mulheres que marcaram bem a ela como à sua família e conhecidos. Debates e reflexões sobre o anonimato feminino que têm assombrado as mulheres ao longo da história. Porque, na verdade, "os nossos nomes não aparecem".

DOSis" é uma proposta diferente do circo contemporâneo. Duas propostas artísticas totalmente diferentes, dois ambientes, duas mulheres, duas por uma, dois mundos independentes unidos em um único espetáculo tipo "Microcirco". Um trapézio fixo e uma roda Cyr, "O meu nome não aparece ..." e "O outro lado", duas obras independentes criadas e executadas por Clara Bernet e Amaya Goñi respectivamente, que terminaram a sua formação profissional em Circo Contemporâneo em 2020 no INAC e eles decidem se unir para combinar suas duas propostas pessoais em uma única "dose" de circo.
"Meu nome não aparece ..." - solo de Roda cyr (Clara Bernet): A partir dessa frase textual de sua avó, a artista começa a mergulhar nessa história "não escrita" das mulheres. Quais são minhas referências femininas? uma viagem por três "quartos próprios" com diria Virginia Wolf, onde você pode se reconhecer. Um convite ao público para relembrar aquela “outra história”.
EUOL - solo do trapézio fixo (Amaya Goñi) "O último outro lado" é um instante. Uma transição em ruínas no tempo. EUOL mostra que a realidade muda quando a consciência desperta e só temos que conviver com nossas peças.

 

Ver mais informações

 


 

PUB

Promotora

  • //

Partilhar evento no    Facebook

Partilhar evento no    WhatsApp

Comentários

 03 de Março, 2021

 21H00 - 21H00


 TEMPO - Teatro Municipal de Portimão

Google Calendar  Adicionaro ao Google
Outlook  Adicionaro ao Outlook
Subscrever

Subscreva à nossa newsletter e fique a par do que se passa perto de si.

Próximos evento por de si

Ver mais eventos em lisboa